Archive for Outubro 2014

Bacalhau ao Conde da Guarda

      Essa é mais uma receita que posso dizer ser de família, de tanto que frequenta nossa mesa e há muitos, muitos anos... Além de deliciosa, é rápida e pede poucos ingredientes.
     Gosto de sua forma mais rústica em apresentar nosso querido bacalhau. Hoje, fiz somente uma salada deliciosa e refrescante para acompanhar e, como dizem nossos patrícios, "soube muito bem". Vamos à receita?
Ingredientes:
  • 500g de bacalhau dessalgado em lascas (usei Ribeiralves, sempre os tenho no freezer)
  • 500g de batatas cozidas inteiras e com casca
  • 1 colher (chá) de alho amassadinho (usei alho em flocos)
  • 200ml de creme de leite
  • 3 colheres (sopa) de queijo parmesão ralado
  • 2 colheres (sopa) de salsa picada
  • azeite a gosto
Modo de preparo:
      Cozinhe o bacalhau rapidamente (dê uma boa aferventada), retire do fogo e utilize a água do bacalhau para cozinhar também as batatas. A seguir, tire as cascas das batatas e dê, com as mãos mesmo, umas esmigalhadas nelas. Deixe-as em pedaços, não precisam ficar muito espremidas. Junte o bacalhau às batatas, misture e leve-os ao fogo numa panela com azeite. Vá mexendo para dar uma leve douradinha. Junte o alho, um pouco de azeite a gosto, misture bem. A seguir, acrescente a salsinha, o creme de leite e o queijo ralado. Misture tudo até obter uma massa homogênea. Retire do fogo e disponha em uma assadeira ou em panelinhas individuais levemente untadas com azeite. Leve ao forno para dourar. Se quiser, polvilhe queijo parmesão antes. Sirva quente! Acompanhei com uma saladinha deliciosa e suco de uva.

Casadinhos de doce de leite

     Fazer esses biscoitos me faz voltar no tempo... Embora a minha mãe tenha feito muito deles durante a minha infância, a lembrança mais forte que tenho é de outra mãe preparando essas delicinhas... Hoje, com minha Fernanda no auge de seus 19 anos fazendo comigo essa leva, me fez voltar ao tempo em que ela só tinha 2 ou 3 aninhos e já ficava comigo na cozinha, querendo fazer biscoitinhos que ela tanto adora. A tarde foi cansativa, mas muito feliz... Para finalizar, servi os biscoitos para ela na bandeja, com chá, geleia e torradas. Para tornar o momento ainda mais inesquecível e doce, usei um jogo de café e chá que foi meu presente de 1 ano de idade, presente esse que foi dado por uma grande amiga da família. Não contem à ninguém, mas o lindo jogo, cor de rosa, com um casal de príncipes e uma linda princesinha já tem 50 anos... São momentos como o que vivi hoje que farão meu amanhã muito mais feliz e recheado de doces lembranças! 
Ingredientes:
  • 250g de açúcar
  • 600g de amido de milho (Maizena)
  • 1 colher (chá) de fermento em pó
  • 200g de margarina, em temperatura ambiente
  • 2 ovos
  • 2 gemas
  • leite condensado cozido por 40 minutos ou doce de leite a gosto (para o recheio)
Modo de preparo:
     Numa bacia grande, junte os ingredientes secos e acrescente a margarina, misturando até obter uma espécie de farofa. Junte, os ovos e as gemas, para ligar a massa. Trabalhe a mesma sem força, quando estiver homogênea, abra porções com o rolo e corte os biscoitos no formato desejado. Leve para assar em forma untada e enfarinhada, em forno médio. O biscoito deve apenas secar, sem ficar moreno. Depois de assados e frios, recheie e a seguir, passe-os pelo açúcar de confeiteiro. 
Obs1.: No início parece que a massa não vai ficar homogênea, que não vai dar certo. Mas vai! A quantidade dos ingredientes são exatas e dão certo com toda certeza. Pode confiar!
Obs2.: Os biscoitos podem ser congelados, antes de serem recheados.
Obs3.: Assim que saem do forno os biscoitos ficam crocantes, mas depois ficam bem mais macios.


Especial Natal:
     Como o natal está batendo à porta (Obaaaa!) quis mostrar para vocês algumas ideias que uso nessa época, seja com biscoitinhos como os de hoje ou outras gostosuras preparadas por mim, com tanto carinho. Faço uma embalagem bem bonita e presenteio os que amo. Aproveitem a criatividade, mais aflorada nessa época, e surpreendam seus queridos! Beijinhos.

Arroz com camarão, mexilhão e alho poró

     O dia estava corrido e a turminha queria algo gostoso e diferente... Nada de frango ou carne, nada difícil, afinal estávamos no meio da semana. Abri o freezer e os camarões estavam lá, logo na minha frente, vi também os mexilhões, e pronto! Fui "garimpando" os ingredientes e saiu essa belezinha deliciosa. Ficou realmente incrível! Não preciso dizer que a panela de pedra ficou vazia rapidinho, preciso? O bom dessa receita é que você pode usar os ingredientes que tiver em casa, outros frutos do mar ou até peixes de boa consistência, a ideia é colocar a sua marca no prato. Vamos logo à receita!
Ingredientes:
Arroz:
  • 2 xícaras (chá) de arroz
  • 4 xícaras (chá) de água fervente
  • cebola a gosto, picadinha
  • azeite
  • sal
Refogado de camarão, mexilhão e alho poró:
  • 500g de camarão limpo e temperado com alho e suco de 1 limão
  • 500g de mexilhão cozido
  • 1 talo de alho poró em anéis
  • 1 pimenta dedo de moça picadinha (sem semente)
  • 2 dentes de alho picadinho
  • 1 limão siciliano (usei só o caldo para temperar o camarão)
  • 1 cebola roxa picadinha
  • 1 envelope de paellero ou açafrão ou cúrcuma
  • tempero à base de sal grosso, limão e erva doce a gosto (opcional)
  • sal e pimenta do reino a gosto
  • coentro a gosto
  • azeite a gosto

Modo de preparo:
     Refogue o arroz na cebola e azeite. Adicione a água e o sal. Abaixe o fogo e deixe cozinha até secar a água. Reserve. Em outra panela, refogue a cebola no azeite até ficar transparente. Junte o alho poró e a pimenta picadinha e dê mais uma refogada. Acrescente o camarão e mexa até que fique rosadinho. Coloque o mexilhão, um pouco de coentro e o paellero. Deixe cozinhar por mais uns minutinhos e desligue o fogo. Acerte o sal e coloque a pimenta do reino moída na hora. Acrescente mais coentro picado e misture o refogado ao arroz, envolvendo bem. Sirva enquanto está quente, com uma boa regada de azeite. 
Obs.: Os mexilhões que usei já comprei cozidos e congelados;
Obs.: Usei um envelope do mesmo paellero usado nas mini morangas. Lá explico melhor sobre ele.

Bolo "dulce e banana" da Lorraine

     Delícia! Delícia! Delícia! Como Lorraine fala em seu livro "Cozinha rápida e fácil", esse bolo de banana é realmente rápido de fazer e muito saboroso. O perfume que tomou conta da casa já valeu, o sabor e a textura nem se fala... O bolo ficou leve, lindo e fez minha turminha muito feliz. Vamos à receita então!

Ingredientes:
Calda:
  • 50g de manteiga + um pouco para untar a forma
  • 50g de açúcar mascavo
  • (para essa receita dobrei a quantidade de açúcar e manteiga)
  • bananas firmes, em rodelas, o suficiente (para a montagem)
Massa:
  • 150g de manteiga em temperatura ambiente
  • 175g de açúcar mascavo (1 xícara (chá) mal cheia)
  • 4 ovos médios em temperatura ambiente
  • 1/2 fava de baunilha (ou algumas gotas de extrato de baunilha)
  • 100g de farinha de trigo com fermento
  • 75g de farinha de trigo integral fina (5 colheres (sopa) cheias)
  • 1 colher (chá) de fermento em pó
  • 3 colheres (chá) de gengibre moído (não usei)
  • 1 colher (chá) cheia de canela em pó
  • 1 colher (sopa) de melaço
  • 1 pitada de sal
  • 50g de nozes pecãs
Modo de preparo: 
Calda: Leve a manteiga e o açúcar ao fogo, numa panela pequena, e aqueça em fogo médio. Misture bem e quando ferver aumente o fogo e deixe por mais alguns minutos, até engrossar um pouco. A seguir, espalhe rapidamente essa calda na forma untada e forrada com papel manteiga, também untado. Reserve. Após isso, coloque as nozes pecãs limpas em uma assadeira e leve ao forno por 5 minutos. A seguir, quando estiverem tostadas, retire do forno e deixe esfriar. Reserve.

Massa: Bata na batedeira a manteiga e o açúcar até obter um creme mais clarinho. Então, junte os ovos, um a um, batendo bem entre cada adição. Corte a fava de baunilha ao meio, raspe as sementes e adicione-as (ou adicione o extrato de baunilha). A seguir, acrescente as farinhas, o fermento, o gengibre, a canela, o melaço e o sal. Misture bem e junte as nozes tostadas. Reserve.

Montagem: Coloque as rodelas de banana sobre a calda colocada na assadeira, em fileiras bem juntinhas e por cima, a massa. Alise bem com uma espátula, tomando cuidado para não tirar as rodelas de banana do lugar. Leve ao forno pré aquecido a 180ºC para assar por uns 35 a 40 minutos. Depois de assado, retire o bolo do forno e espere por cerca de 10 minutos. A seguir, desinforme sobre um prato e retire o papel manteiga delicadamente. Sirva quente ou frio. 

Sugestão de acompanhamento: 
  • Creme inglês
  • Sorvete de creme
  • Chantily

Camafeus de nozes para alguém muito especial!

     Na sexta passada preparei essas delícias com meu coração transbordando de amor e carinho... É um doce lindo, de presença marcante e feito para ocasiões especiais. E a ocasião pede! Meu querido pai estava completando 81 anos no domingo e fiz questão de cuidar do bolo e dos camafeus. A receita está há anos na família e não pensamos em usar outra desde então, já que esta é realmente perfeita, com o resultado 100% garantido. Vamos à receita, pois a cozinha aqui já está tinindo. 
Ingredientes:
Massa:
  • 1 xícara (chá) de nozes limpas e moídas
  • 1 xícara (chá) de coco ralado (fresco ou seco, usei o seco)
  • 2 latas de leite condensado
  • 2 colheres (sopa) de chocolate em pó de boa qualidade
Fondant:
  • 500 g de açúcar de confeiteiro
  • 1/2 colher (sopa) de manteiga
  • 1/2 xícara (chá) de leite
  • nozes em metades para decorar
Modo de preparo:
Massa:
     Numa panela, coloque todos os ingredientes, misture e leve ao fogo médio, mexendo sempre até a massa desgrudar da panela. Retire do fogo, coloque a massa em uma travessa untada e deixe esfriar bem. Se preferir, cubra com filme plástico e leve à geladeira e deixe de um dia para o outro. A seguir, modele os docinhos em formato de croquete (ovalados), e reserve.
     Obs.: 1- Ponha uma pitada de sal na massa ao levar ao fogo, quebra um pouco do doce excessivo e acentua o sabor dos ingredientes.
               2- Modelei os doces tão logo esfriaram. Se o dia estiver muito quente, coloque-os na geladeira e vá retirando aos poucos para passar no fondant.

Fondant:
      Numa vasilha de vidro ou panela, misture sempre e leve ao fogo em banho maria até ficar líquido. Mantenha o fogo acesso (baixo) durante o tempo todo, até passar o último camafeu. Com ajuda de um garfo próprio ou comum, passe o doce, um a um, no fondant e coloque-o em um tabuleiro ou pedra untada com manteiga. Assim que colocar o doce para secar, imediatamente, aplique a noz em cima. Espere o camafeu ficar bem firme e frio, coloque em forminhas e se delicie! Lembrando que essa receita rende cerca de 60 a 65 docinhos.
Ah, como já disse fiz também o bolo de aniversário, fiz aquele naked cake delicioso. A receita está aqui. Nesse usei frutas para decorar, ficou delicioso.

Meus pães de canela

     Essa é uma receita que trago comigo há muito tempo e se penso em algo quentinho, perfumado, que nos deixa feliz e reconforta a qualquer um corro para a cozinha e preparo esses pãezinhos. O sucesso é garantido e, em troca, recebo elogios e beijinhos de todos e a casa fica com aquele cheirinho bom de lar feliz. Vamos para a receita então?
Ingredientes:
Massa:
  • 1/2 xícara (chá) de manteiga
  • 2 xícaras (chá) de leite
  • 3 colheres (chá) de fermento biológico seco
  • 3/4 xícara (chá) de açúcar
  • 6 xícaras (chá) de farinha de trigo (pode ser preciso um pouco mais)
  • 1 colher (chá) de sal refinado
Recheio:
  • manteiga a gosto
  • 1 colher (sopa) cheia de canela em pó
  • 1 xícara (chá) de açúcar
Obs.: Há também a possibilidade de rechear os pães com coco, para isso é necessário:
  • coco seco ralado
  • açúcar
  • 1 gema
Misture tudo e utilize: frutas secas ou chocolate picado. Para o natal ou para a páscoa fica lindo fazer o pão em forma de rosca.

Modo de preparo:
     Derreta a manteiga em uma panela, junte o leite, seguido do fermento e o açúcar. Mexa bem e deixe descansar por uns 15 minutos. A seguir, coloque a farinha de trigo e o sal numa bacia grande, faça uma cova e ponha a mistura do fermento no centro. Misture tudo com um garfo, até ficar bem incorporado. Nesse momento, ponha massa numa bancada enfarinhada e sove bem até ficar lisa. Cubra com pano de prato e deixe descansar, crescer até o dobro de volume. A seguir, divida a massa em 2 partes, abra cada parte com o rolo, formando um retângulo (a espessura da massa é de, mais ou menos, 0,5 cm).
     Espalhe a manteiga a gosto sobre a massa aberta e polvilhe bastante a mistura de açúcar com canela. Enrole a massa como um rocambole e corte em pedaços de, mais ou menos, 4 centímetros. Ponha na assadeira, deixando um espaço entre eles, para que cresçam ainda mais. 
     Asse em forno preaquecido a 240ºc até os pãezinhos ficarem morenos. Sirva.

Geleia de damasco com laranja do Pitadas da Rita

 
      Geleias são deliciosas, levantam qualquer café da manhã ou da tarde. Vão bem na torrada, em bolos, no iogurte e também com carnes ou frango. E as amarelas, nesse caso, funcionam melhor ainda. Essa receita da Rita Lobo (do livro Pitadas da Rita) é deliciosa, rápida e fácil de fazer. Eu fiz a receita dobrada, pois, realmente, uso muito, em tudo. Se eu fosse você não perderia essa... 
Ingredientes:
  • 1 xícara (chá) de damasco seco picado (cerca de 200g)
  • 1 xícara (chá) de água
  • 3 colheres (sopa) de açúcar cristal
  • 1/2 xícara (chá) de caldo de laranja fresco
  • 1 colher (sopa) de caldo de limão
  • 1 rama de canela
  • 1 colher (chá) de água de flor de laranjeira (opcional, eu não usei)
Modo de fazer:
      Pique o damasco e meça, coloque numa panela com água e leve ao fogo alto. Quando ferver, desligue e deixe hidratar por 30 minutos, junte à mistura o açúcar cristal, os caldos de laranja e limão, a canela e leve ao fogo médio. Assim que começar a ferver, baixe o fogo, tampe a panela e deixe cozinhar por 30 minutos, mexendo de vez em quando (Lembre-se de tampar a panela todas as vezes). Desligue o fogo, misture a água de flor de laranjeira (se usar) e transfira para um pote esterilizado, com fechamento hermético. Só tampe quando esfriar. Conserve na geladeira pois não há conservantes. Posso garantir que meu café da tarde de ontem foi bem delicioso. E ainda preparei uma delícia que a Dinha, do piteis da dinha, postou, pastelzinho de pão de forma. Receita aqui!!! Eu fiz os meus de peito de peru com muçarela de búfala, ficaram levinhos, crocantes e muito saborosos. Passem lá no blog dela pois vale super a pena. A dica é realmente imperdível. 


Tecnologia do Blogger.